segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Desordem e Retrocesso


Desde a época da escola Normal
Se aprende educação cívica e moral
Alienados pelas cores da bandeira
Amando um país em detrimento a outros

Se saber porque poem a mão no peito
Roboticos movimentos e bocas a cantar
Palavras que parecem tão bonitas
Mas que significam escravizar.

Cadê a ordem e o progresso
Só vejo desordem e retrocesso
Bocas famintas,mentes vazias
E morte de doentes desassistidos

Cadê a ordem e o progresso?
Só vejo o roubo e a impunidade
Porque esse mesmo coro se unirá
Mais tarde para morrer na guerra
Lutando por um chão que não é seu

Orgulho patriota inutil e cego
Que a cada dia é abafado pela violência
As vozes que ecoam o seu hino sujo
São as mesmas vozes a pedir socorro em vão!

domingo, 26 de setembro de 2010

Quem É Você Pra Me Dizer?



Não fale bem de mim
Se você não me conhece
As aparências enganam
Conheça meu carater
Saiba antes quem eu sou

Não será um elogio
Que vai me agradar
Minha posiçao é te ignorar
Me elogiar sem me conhecer
É coisa de aproveitador

Não fale mal de mim
Se você nao me conhece
E se estiver comigo
mas não do meu lado
Pode se afastar
Porque eu sou aliada
de quem conhece meus ideais
e de quem me respeita
e eu cuspo no manipulador
me afasto do mentiroso

Não serão suas criticas
que me farao mudar
se em nada acrescentar
eu vou saber que voce
é só mais um sabichão
um otario querendo se dar bem!

Adquira Consciência!



Mulherzinha que só quer agradar
E passa por cima até de si mesma
Não passa de uma enganada
Por suas próprias mentiras
E cai nas próprias armadilhas
De sua ingenuidade.

Mulherzinha que quer ser escutada
Que escreve esperando alguém ler
Que acena esperando alguém ver
Não sabe que tem que gritar
Que só a atitude cuspida e real
Pode mudar.

Não se trata de agredir
Mas de se impor respeito
Se trata de ter personalidade
Pra poder ter voz e vez
Numa suja sociedade

Mulherzinha que busca ser aceita
Não vê que mudou tudo em si mesma
Tentando aparecer,virou um espelho
Do que a sociedade quer ver

Mude,mulher!
Não seja seu próprio inimigo
Não construa armadilhas pra si mesma!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Sua Futura-Ex-Mulher


Você só a quer porque
ela nunca sai de casa
Porque o fim de semana dela
é só seu
Até dos amigos ela se afastou
O mundo dela gira em torno de você.

Você pensa que ela vai ser
uma ótima dona de casa
Fazendo tudo pra você
te levando os chinelos
A casa e os filhos
A cerveja e a TV.

Mas e a vontade dela,
Você já parou para escutar?
É inocência dela pensar
Que você estará ali
pra quando ela precisar?
E se ela quiser sair
E se quiser se divertir
E se você não a levar?
Por acaso ela é uma cadela
Que você tem que levar pra passear?

Você só a escolheu porque ela
se deixou levar
por sentimentos que julgou serem puros
só que voce é pra ela só o que te conforta ser
Nunca a elogia,nunca é seu amigo
não presta atenção em seus sentimentos

Mas sua mulherzinha tem uma novidade
pra voce
Ela quer te dizer
Que não é mais bitolada
E que voce a perdeu
Você a perdeu.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

..

.

domingo, 12 de setembro de 2010

Mulher Machista


O homem não ouve a mulher
Ele sempre quer impor suas vontades
A sociedade cria suas meninas
Submissas às ordens patriarcais

A sociedade não se liberta
Da conveniência machista
A mulher faz o serviço pra toda a família
A mulher cozinha,a mulher definha
Mas na verdade quem sujou tem que limpar

Por que as mães fazem tudo pros filhos
E o marido só assiste ao futebol?
A mulher não se sente feminina
Se não esquentar a barriga no fogão.
Por que só ela tem o instinto de cuidar?
Mas e o homem quando quer também não cuida?

A mulher no emprego é assediada
A mulher nas ruas é perguntada:
Onde está o homem dessa mulher?
Na família não tem voz ativa
Mas trabalha fora e dentro de casa
Porque ela não se sente mulher
Se não tiver o mundo em suas costas,
Não percebe que não tem essa obrigação.

sábado, 11 de setembro de 2010

Maníacos Pervertidos



Maníacos pervertidos
Cobiçam as mulheres
Querem satisfazer
Seus prazeres infernais
Cheios de luxúria
Olhos vermelhos de caçador
Sem respeito e pudor
Suas vítimas pegarão.
As mocinhas ingênuas
Que caem em suas mãos
são iludidas e atacadas
E não verão o amanhã

Maníacos na internet
Maníacos nas ruas
Maníacos a te perseguir
Rasgam suas roupas
Agem com violÊncia
e te ameaçam
pra que não denuncie
Nas portas das escolas
Nos parques e nas festas
Onde você estiver.

Como lobos ferozes
Querem devorar
Não adianta correr
Não adianta gritar
Onde você estiver
Eles estarão
Pois não conhecem justiça
E a violência impera
Mentes doentias
Planejando sequestros
Pois não existe justiça
E a impunidade é real!

Maníacos no teu trabalho
Maníacos na televisão
Até a sua sombra
Eles irão perseguir.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Você sempre volta com as mesmas notícias...GRRR!



Solidão a dois de dia
Faz calor, depois faz frio
Você diz "já foi" e eu concordo contigo
Você sai de perto, eu penso em suicídio
Mas no fundo eu nem ligo
Você sempre volta com as mesmas notícias
Eu queria ter uma bomba
Um flit paralisante qualquer
Pra poder me livrar
Do prático efeito
Das tuas frases feitas
Das tuas noites perfeitas

Solidão a dois de dia
Faz calor, depois faz frio
Você diz "já foi" e eu concordo contigo
Você sai de perto eu penso em homicídio
Mas no fundo eu nem ligo
Você sempre volta com as mesmas notícias
Eu queria ter uma bomba
Um flit paralisante qualquer
Pra poder te negar
Bem no último instante
Meu mundo que você não vê
Meu sonho que você não crê

Eu Queria Ter Uma Bomba
Cazuza
Composição: Cazuza

domingo, 5 de setembro de 2010

Pressão não-solucionada.

.

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Saiu o Zine!





“... E as pessoas não se importam..
Elas não querem nem saber o que se passa
Suas vidas se resumem a ficar sem fazer nada”

Contato: pollemikkazine@yahoo.com
Se quiser participar,opinar,criticar envie material!
SETEMBRO 2010

Riot Grrrl !!!




Biquini Kill Mediocrity Rules
Regras Medíocres

Então você quer sair comigo hoje à noite?
Bem
Você é legal, mas eu estou certa,então
Vou definir o dial para "sem brigas".
E quando deixarmos o clube,
e o sol estiver chegando,vc perguntará,
"Consegui te entreter?"
Eu digo cara tudo bem.
Porque eu já sabia
que quando estou com você
existem regras mediocres,cara
regras mediocres.
Mas a vida é mais q compromisso
e eu posso ver nos seus olhos que
nada te assusta como uma idéia real.
Mas tudo bem,cara,
você não desperdiçou meu dia
Porque eu já sabia
que quando estou com você
existem regras mediocres,cara
regras mediocres.
Yabba dabba dabba doo, cara.
Yabba dabba dabba doo.
Yabba dabba dabba doo, cara
Yabba dabba dabba cara.

Goodbye Goodbye


Vou sair
porque pra vc
nao sou nada
me deixe ir
com a roupa do corpo
nao paguei por nada
tenho apenas a minha liberdade
e com isso eu vou pra não voltar jamais

porque estou sozinha
mas nao solitaria
posso ir a luta
posso me reerguer
sem voce posso ser
porque familia
é quem ama e quem cria
e nao so critica

eu sei ja esta mais do que na hora
de correr atras da independencia
ja que o meu gosto
meu cheiro
minhas vontades e desejos
a voce fedem e enojam
como a Morte.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Possuída


Eles dizem eu te amo
eles tentam nos comprar
com bichinhos de pelucia
querendo nos enganar

A garota com medo de ficar so
acha que nao vai aguentar
pega qualquer um e tenta mudar
não olha carater olha o brilho no olhar

Se rende a ele como prisioneira
faz suas vontades pra ele gostar
se esquece do seu proprio eu
em nome de um amor que possui!

Eles dizem eu te amo
eles tentam nos comprar
com bichinhos de pelucia
querendo nos enganar

Ela ja nao sai de casa desacompanhada
ela nao ve os amigos
ela nao quer mais nada
alem de um amor que possui

Esta enganada voce foi comprada
como um objeto voce é posse dele
abra sua cabeça nao siga seu coraçao
na procura de um amor que possui!

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Riot Grrrl !!!


Riot grrrl (ou riot grrl) é um movimento abrangindo fanzines, festivais e bandas de hardcore punk rock e feminismo. A intenção do movimento é informar a mulher de seus direitos e incentiva-las a reivindica-los. Uma das principais formas além de protestos foi o uso da música. A carreira músical feminina se resumia apenas como vocalistas, ou qualquer função em bandas de músicas leves, mesmo assim mal vistas. O principal ponto foi montar bandas de rock, com instrumentos pesados como baixo e guitarra com muitos efeitos e distorção, estilo e instrumentos inicialmente considerado como masculinos.

Incentivando cada vez mais as mulheres a montarem suas bandas, criar fanzines feministas, e assim expressar suas opiniões e vontades. O gênero musical riot grrrls apareceu na década de 90 como resposta as atitudes machistas punks[1].

As bandas Bikini Kill e Bratmobile são consideradas duas bandas que incentivam o movimento.



História

Em meados dos anos 90, nos Estados Unidos. O termo surgiu quando Alison Wolfe, do Bratmobile, resolveu produzir um fanzine feminista chamado Riot Grrrl, onde se rebelava contra uns dos dogmas sagrados do mundo do rock: Garotas não sabem tocar guitarra, bateria, ou baixo tão bem quantos os homens[2]. Devido a essa postura, várias garotas sentiam-se desencorajadas a tomar frente de uma guitarra ou qualquer outro instrumento. As riot grrrls não faziam questão de se mostrarem bonitinhas, meigas, ou bem comportadas. Como fossem vetadas pelo fato de serem mulheres, raspavam as cabeças, usavam roupas masculinas e, às vezes, até como protesto, se envolviam com outras mulheres, mostrando a eles, os homens, de que eram tão capazes e às vezes "até mais" do que eles. O movimento Riot foi popularizado por bandas de garotas como Bikini Kill e Tribe 8, que reverenciaram antecessoras roqueiras de visual e verbos agressivos: a poetisa Patti Smith e o humor cínico de Deborah Harry. Não se pode alegar que existam “líderes” no movimento “RIOT GRRRL”, já que cada garota deve fazer o que quer e defender seus pensamentos sem se “submeter” a alguma líder; contudo, algumas mulheres lograram maior destaque, tornando-se verdadeiros ícones das “Riot Grrrls”. Sem dúvida o maior destaque é a Kathleen Hanna, vocalista do Bikini Kill, banda pode ser considerada uma das pioneiras (ou a criadora) do movimento.

Nos seus shows, as garotas do Bikini Kill costumavam “mandar” os rapazes para as filas mais distantes do palco, deixando as garotas nos melhores lugares, e entregavam a estas folhas com as letras das músicas para que pudessem melhor acompanhar as canções. Kathleen costumava fazer os shows com os braços, abdômen ou costas escritos com slogans como: RAPE ("estupro") ou SLUT ("vagabunda"), enquanto uma forma de reação à violência sexual e aos comentários “machistas” que determinavam as “Garotas do Rock” ou as mais “liberais” como vagabundas. O costume de escrever os “slogans” no corpo não parou com o Bikini Kill -- até hoje várias bandas femininas se apresentam e se rebelam com o corpo riscado.

Apesar da banda Bikini Kill ter sido a principal e mais influente, a que logrou maior atenção e fama foi a de Courtney Love, a Hole, que é considerada por alguns ícone supremo do movimento, malgrado por diversas vezes Love se ter negado a participar do “tal movimento feminista”, e tendo mesmo criado uma rixa pessoal com Kathleen; um dos motivos da qual teria diso a aversão de Courtney à idéia de que sua banda fosse associada ao RIOT GRRRL -- além de não simpatizar com a “cena” de Olympia, que era tanto a do Bikini Kill quanto a do “Riot Grrrl”. É importante destacar que não só as mulheres defendem o Riot Grrrl, vários homens, inclusive rockstars já defenderam a causa feminina.

Bandas riot grrrls possuem tanto sucesso pela prática do feminismo em suas letras para manter o lema: se os homens podem, eu também posso! Ou ainda: Só para meninas!
[editar] Cena Riot Grrrl no Brasil

Há bandas como o extinto Bulimia, Biggs, Pulso, entre outras,que também abrangem outros assuntos além do feminismo, como a banda Suffragettes, que defendem além do feminismo, também o vegetarianismo, a filosofia straight-edge, a preservação ambiental, dentre outros assuntos, cada vez mais crescentes nas cenas undergrounds.

No Brasil a banda de maior destaque é o Dominatrix, liderada pela vocalista e guitarrista Elisa Gargiulo,que já tem 13 anos dentro do movimento.

A banda é extremamente feminista e nos seus shows realiza verdadeiros debates sobre as diversas causas femininas e o direito das minorias.



Ideologica: Terceira onda do feminismo - Teoria queer - Straight edge
Contexto cultural:Início da década de 1990, Washington DC e região noroeste do Pacífico nos Estados Unidos.
Instrumentos típicos:Guitarra elétrica, Baixo elétrico, Bateria
Popularidade:Início dos anos 1990, principalmente no meio underground.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Matança ( Slaughter)


Vamos ver o que ia fazer
Se te tratassem como touro
Te maltratando numa tourada
E você não pudesse se defender
O que ia fazer?

Vamos ver o que ia fazer
Numa vaquejada
te enchendo de pancadas
E voce sangrando ate morrer
O que ia fazer?

Numa rinha de galos
Voce fosse o animal
Com esporas afiadas
E sem saber o porquê
O que voce ia fazer?

E se ainda voce
Fosse caçado e morto
E arrancassem sua pele
E partes do seu corpo
Pra enfeitar alguem
Me diz o que ia fazer?

Uma vítima seria voce
De crueis atos de imundos
Que por fora preocupam-se
com o meio ambiente
Mas na verdade querem é lucrar
E agora,você como se sente?

É Só Isso O Que Fazem de Você


Qual é o seu pensamento
Beber até morrer?
Se alienar como forma de protesto?
Não seja fraco,levante pra lutar
Contra essa farsa que impuseram a voce
A burguesia quer mais é que se dane
Por isso não se importa com a sua saúde

Voce não é o unico a sofrer aqui
Veja os oprimidos,não pense em voce
Beber até cair,onde isso vai parar?
Se voce nunca pegar as armas e lutar!

Igrejas lucrando sem parar
Politicos aí a roubar
Policia que se vende
e nunca te protege
E o que voce vai fazer?

Sua voz e sua atitude
Não chegarão ao ouvido burguês
Se voce bebe como um alienado
Contando seus proprios problemas
Sem nem mesmo ser ouvido
Mantenha o seu equilibrio
Seja dono das suas vontades.

Eu Protesto!


Eu tenho vontade de lutar
Contra toda essa injustiça
Mortos de fome e sem-teto
Vítimas de um governo inutil

Politicos a te enganar
Enquanto te estendem a mão
A injustiça e a impunidade
Unidas à corrupção

Na Tv mulheres-objeto
E crianças se portam como adultos
O consumismo lhes subiu à cabeça
Fantoches do capitalismo

Enquanto isso as transnacionais
Poluem o meio ambiente
O Mundo pedindo socorro
Mas eles fingem não ver

Eu tenho vontade de protestar
Com o meu grito consciente
Pois existem muitos por aí
Vivendo de "panis et circensis"

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Letras em:


http://letras.terra.com.br/membros/3068569/#0/1603470

Não Se Deixe Enganar !



Mulher gosta de agir como idiota
Porque acha que o homem vai gostar
Ela finge não saber e o que descobre
esconde
Pra ele não se incomodar

Mulher gosta de agir como bobinha
Porque acha que o homem vai amar
Diz que curte o que ele curte
E que só vai se ele for
Ate um passeio com as amigas para ela é um tabu
Tao dependente dele ate pra limpar o cu

Que mulher fraca voce é
Sua inocencia nao a deixa ver
Que nao faz mais nada na vida
Porque ele esta sempre em cima de voce

Mulher gosta de parar de pensar
Toda vez que o marido chega em casa
Ela vive em funçao dele
Ate o chinelo vai buscar
E ate de madrugada se acorda pra trepar!

Só voce nao percebeu
que é mandada por seu homem
Mas empregada é outro nome
para a rainha do lar.

Mulher,Liberta-te!



Cadê sua força?sua vitalidade?
Voce costumava ser feliz
Amar não tem nada a ver com sofrer
Se voce souber impor respeito

Cuide dele,mas cuide de voce
Não mande nele,nem se deixe mandar
A conversa é a melhor saida
Pros conflitos que vão rolar

Voce tem as suas vontades
Não precisa ser escrava de ninguem
Faça sua parte,mas nao faça tudo
Não se cale numa vida infeliz

Se ligue o amor nao é tudo
Tem que ter respeito e igualdade
Tem que saber não sufocar o outro
E não fingir que os problemas não existem

Não se transforme num ser infeliz
Não se cale esperando ele mudar
A sociedade se conforma em ser machista
E só voce pode revolucionar.

Violência



Não ouvir sua mulher é matá-la
Não ser fiel é matá-la também
Enganar sua mulher é matá-la
E ferir com palavras também é

Bater em sua mulher é matá-la
Oprimir sua aparência também é
Não apoiar quando certa é matá-la
Destruir os seus sonhos também é

Fazê-la de empregada é matá-la
Abusar de suas fraquezas também é
Ignorar suas virtudes é matá-la
Destruir os seus sonhos também é

Fazê-la topar tudo é matá-la
E ela fazer sem vontade é também
Suprimir seus direitos é matá-la
Não amar e só fingir também é

Violência contra a mulher
Não é só agressão fisica
Tem muita coisa que voce faz
Que a faz sofrer.

Machismo na Tevê



É mulher na propaganda de carro
É mulher como assistente de palco
É mulher depois do futebol
É mulher em anúncio de cerveja
É mulher esfregando o sabonete
É mulher provando o sorvete
É mulher correndo atrás do homem
que usa desodorante

Tudo é pra expor a mulher
A sociedade fez dela um adorno
Um brinde de um carro do ano
Uma arma do capitalismo

E tem mulher que acha isso bonito
Pensa que é mesmo o seu lugar
Eu tenho pena dessas mulheres
Que fortificam essa visão machista
de que mulher é pra enfeitar revista

É mulher pisando em outra mulher
É mulher de biquini dançando
É mulher sendo filmada de baixo pra cima
É mulher ainda em corpo de menina.

Dissimulada


Mulher mentirosa mude sua atitude
Não seja covarde e cruel
Não se faça de vítima
Não dissimule com as palavras
Se dê o respeito.

Mulher traidora mude sua atitude
Respeite quem respeita voce
Não seja hipócrita
nao fale dos homens
Se voce não se respeita
então quem respeitará

Pra voce que tira vantagem
Mulher sem personalidade
Mude,pois nao ha nada pior
do que mulher sem carater
Voce é responsavel pelo que
pensam de voce

Faça sua parte
Tenha orgulho de ser mulher
Seja forte e tenha palavra
Mostre que e diferente
e não uma qualquer.

sábado, 21 de agosto de 2010

Mulheres Objeto


Mulheres de mentes vazias sao tratadas como objeto
passam a vida cuidando do visual
como frangos no espeto
a espera de quem as leve pra comer

mulheres que dançam pros garotoes
sao tao futeis que nao tem noção
quanto mais se expoem
mais vagabundas pra eles elas sao

mulheres que bebem ate cair
no dia seguinte nao sabem onde estao
o mundo girando e elas acham bom
o sexo sem preocupação
mas depois o que vao fazer
pra curar a dst?

Mulheres objeto com um so ideal
arranjar um homem pra casar
mal sabem elas que sao apenas
mulheres objeto

se de o respeito
tenha força de vontade
busque ser independente
emocionalmente
e tenha noçao de que
os seus atos impensados
seus impulsos atropelados
pesarao contra voce
entao tome cuidado pra não ser apenas
mais uma na cama de um fortao

terça-feira, 17 de agosto de 2010

TEM MÃE QUE É FODA



(Nana nenem
que a cuca vem pegar
Nana nenem
que a cuca vem pegaaar!)

Ela te dá tudo o que você quer
Ela te dá grana pra você gastar
Ela te dá comida e lazer
A sua mãe faz tudo por você...

Tem mãe que é foda
Eu tenho do que reclamar?
Tem mãe que é foda
Ela vai me magoar?
Tem mãe que é foda
O que é que vai fazer?
Que foda,eu devia amar você!

Com ela pode sempre conversar:
Cala a boca que o jornal vai começar!
Pra ela pode ser quem você é
Eu estou decepcionada com você!
É bom saber que ela te ama
Sai pra lá te abraçar pra que?

Tem mãe que é foda
Mas eu não posso reclamar
Tem mãe que é foda
Porque ela vai se magoar
Tem mãe que é foda
E o que é que eu vou fazer?
foda,eu meu lugar ta a TV!

Mas que problemas eu posso ter
Isso é sono ou vontade de comer
É tao mimada so sabe reclamar
Pega aqui esse dinheiro e vai gastar

Tem mãe que é foda
Mas eu não posso reclamar
Tem mãe que é foda
Porque ela vai se magoar
Tem mãe que é foda
E o que é que eu vou fazer?
foda,eu meu lugar ta a TV!

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Meus Selinhos!






O Suprassumo De Mim




Eu sou diferente das outras meninas...

As meninas querem casamento e salto alto;
eu quero vida e nada de salto
eu quero saltar de Bungee-jumping
quero viver cada momento
quero poder fazer tudo o que gosto
quero que meus sonho se realizem todos os dias
eu não quero pompa e circunstancia
eu quero o suprassumo da vida!

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

domingo, 8 de agosto de 2010

Logout no Seu Orkut!



Muita coisa precisa ser feita
Você é um alienado
Que passa as horas do dia inteiro
Na internet ou em frente da tevê

Que big bosta você vai ficar
Quando acordar e perceber
Que não assiste tevê
é a teve que assiste você

Como produto na prateleira
Monitorado você é
enquanto o sistema domina
e o seu cérebro paralisado
se acostuma a não pensar

Não é artista que eles querem ver
Quem está sendo filmado é você

Todo mundo já te add
Caras e bocas você vai fazer
enquanto o poder toma seus direitos
e dificulta a tua formação
porque no seu twitter ja estão
te retirando de uma empresa
porque o que postou nao aprovaram
e agora quem vai ficar desempregado
e com o orkut na mao?é você.

Não é você que add
É o poder que exclui você.
Não é você que add
É o Estado que exclui você.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Eu Soltei a Mão de Alice


Eu soltei a mão de Alice
eu a deixei escorregar rumo ao
país maravilhoso.
Tão ingênua Alice era!
e eu a deixei cair na toca do coelho.
Preciso resgatá-la;porque em meio
à tanta fantasia Alice ficou presa,
e todo aquele brilho encantador lhe ofusca
dominando-a por dentro.
Alice perdeu-se,ela agora é um refletor
do que o país maravilhoso foi para ela.
Preciso resgatá-la,porque ela deixou
de ser ela mesma
e perdeu a oportunidade de mostrar
quem realmente é.

Eu sei agora que sou a unica responsável
pela Alice
porque fui eu mesma quem a deixou ir,
tão ingênua ao país dos devaneios.
E hoje ela chora,sendo denso espelho
que só reflete e nunca se mostra.

Alice precisa ser salva
e só eu posso,
pois essa Alice sou eu.

Duas Pessoas



Duas pessoas quando se unem
O que elas pensam?
Em construir e realizar seus sonhos.

Mas é ai que elas se deparam
com seus problemas pessoais
e,como num choque fortissimo,
se repelem...

Falta cada um trabalhar o seu proprio eu!

Se não consegues viver bem sozinho,
como pensas em estar com outro?
Conserta-te primeiro!
Viver a dois não é controlar o outro,
mas,mais do que nunca,controlar a si mesmo.

...


Eu criticava quem não me ajudava
quem me via mal e nada fazia
eu não fazia esforço
e achava egoismo não me ajudarem...

Ate que alguem veio a mim
e me estendeu a mão,
e eu vi que eu não podia
estender minha mao em troca
porque eu,por não ter me ajudado,
havia perdido mão
e braço e tudo.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

D-Girl :She is disco


D.I.S.C.O.
Ottawan

D.I.S.C.O (3x)
She is disco

She is D delirious
She is I incredible
She is S superficial
She is C complicated
She is O oh, oh, oh

She is D desirable
She is I irresistible
She is S super sexy
She is C such a cute
She is O oh, oh, oh

D.I.S.C.O.
She is disco

She is D disasters
She is I impossible
She is S super special
She is C crazy, crazy
She is O oh, oh, oh

She is D delightful
She is I incredible
She is S sensational
She is C sweetest candy
She is O oh, oh, oh

D.I.S.C.O
She is disco


(No Poison-Yes Disco!)

domingo, 25 de julho de 2010

Pés Cansados,Mas Pés Inteiros



Pés cansados,mas pés inteiros,
Que se renovam a cada passo,mesmo estando só
porque o ser humano que não teme ficar só
é o que tem força para superar as perdas,

é o que tem força para seguir a vida
é o que valoriza sua vida acima de tudo
e descobriu o seu segredo,

que é superar qualquer tombo
tendo seu próprio tempo
para se reerguer
ainda que não aja ninguem para ajudar
pois não ha obrigação de ajudarem,

pés inteiros são os pés de quem
se fortificou a vida inteira
para viver bem
e para se permitir viver só
ou com pessoas em volta.

Pés cansados porém nunca solitários,
pois são os pés de quem caminha
sendo amigo de si mesmo,
sendo bom e cuidadoso consigo mesmo
e assim aceitando cuidar e amar os outros
e permitir que se aproximem...

quinta-feira, 22 de julho de 2010

BE BRAVE!



"Into every generation, a Slayer is born. One girl in all the world, to find the vampires where they gather, and to stop the spread of their evil and the swell of their numbers."

domingo, 18 de julho de 2010

Dead-end Girl





Die die die my darling
Don't utter a single word
Die die die my darling
Just shut your pretty eyes
I'll be seeing you again
Yeah I'll be seeing you in hell
So dont cry to me oh baby
Your future's in an oblong box
Dont cry to me oh baby
You should have seen it a comin' on
Dont cry to me oh baby
Had to know it was in your power
Dont cry to me oh baby
Dead end goal for a dead end girl
Dont cry to me oh baby
And now your life drains on that floor
Dont cry to me oh baby
Die, die, die my darling
Don't utter a single word
Die, die, die my darling
Just shut your pretty mouth
I'll be seeing you again
I'll be seeing you in hell
Dont cry to me oh baby
Your future's in an oblong box
Dont cry to me oh baby
You should have seen it a-comin' on
Dont cry to me oh baby
Had to know it was in your power
Dont cry to me oh baby
Dead-end goal for a dead-end girl
Dont cry to me oh baby
Now your life drains on that floor
Dont cry to me oh baby
Die, die, die my darling
Don't utter a single word
Die, die, die my darling
Shut your pretty mouth
I'll be seeing you again
I'll be seeing you in hell
Die, die, die
Die, die, die
Die, die, die
Die...


My whole world turns misty blue.

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Enfim Ba-en-Aset



na antiga vida queria que alguem visse o que eu tinha de especial
voce viu e por isso estara sempre em meu coraçao
mas o que eu realmente precisava era eu mesma ver
e agora eu vejo
voce e um bom homem
mas voce vive num mundo que nao tem lugar para alguem como eu
sabe as vezes eu sou boa sou muito boa
mas as vezes eu sou ma,mas so o quanto eu quero ser.
liberdade é poder
viver uma vida sem ser subjugada e sem medo é uma dadiva que eu recebi
e assim começa minha jornada.

terça-feira, 13 de julho de 2010

CUBEECRAFT!!!!!



http://www.cubeecraft.com/

"Se você não sabe para onde quer ir, então é indiferente o caminho que venha a seguir."


ALICE NO PAÍS DO PLEBISCITO

Há uma passagem muito conhecida de Alice no País das Maravilhas, na qual a pequena
heroína de Lewis Carroll dialoga com um gato. Ela não quer mais continuar onde está e
pergunta ao animal: "Como posso sair daqui?" O gato responde: "Depende". A menina
indaga: "Depende de quê?" E o gato esclarece: "Depende de para onde você quer ir."
O diálogo prossegue. A garota diz que quer sair de onde está, mas não tem nenhuma
preferência quanto ao lugar para onde vai. Então o bicho lhe retruca: "Se você não sabe
para onde quer ir, então é indiferente o caminho que venha a seguir."
O episódio tem fascinado os leitores de Lewis Carroll desde o século passado. Como toda
criação importante da fantasia literária, ele comporta diversas interpretações e não se deixa
esgotar por nenhuma delas. Todos nos identificamos com Alice, na medida em que já
vivemos situações nas quais estávamos em lugares de que desejávamos sair, fosse para
onde fosse. E todos reconhecemos a sabedoria do gato, que nos lembra que o sentido do
nosso movimento é aquele que nós mesmos lhe imprimimos. Sem garantias antecipadas de
sucesso.
A advertência do gato vale para a experiência de cada um e vale, também, para a história
política, que somos chamados a fazer coletivamente. Na vida privada, cada um faz suas
escolhas, tenta decidir seu futuro: opta por um trabalho, por um casamento, por uma
determinada estruturação da família, por uma determinada organização da existência
quotidiana (com seus prazeres e suas responsabilidades). Na história política, procuramos
nos articular com o nosso grupo, assumimos nossos compromissos, discutimos, fazemos
propostas, optamos por um programa de transformações que consideramos exeqüíveis e
convenientes à nossa sociedade. Em ambos os casos, implícita ou explicitamente, estamos
decidindo para onde pretendemos ir.
Quando têm consciência, efetivamente, das escolhas que estão fazendo quanto à direção
que decidem seguir (e sabem dos riscos que tais escolhas sempre comportam), é normal que
as pessoas fiquem tensas, é compreensível que elas tenham momentos de hesitação e
angústia.
Convém recordarmos, entretanto, que a hesitação, tanto na vida particular como na história
política, tem sua legitimidade. E às vezes as pessoas ou correntes que não vacilam nunca
são apenas aquelas que jamais param para pensar na gravidade da advertência do gato de
Lewis Carroll: simplesmente fecham os olhos diante dos perigos.
Algumas embarcam no ônibus da utopia, sem examinar o itinerário que ele vai percorrer;
outras enveredam por qualquer caminho (só para sair de onde estão); e há as que acabam se
resignando a ficar onde já se encontram, aguardando passivamente uma salvação mágica.

(Leandro Konder in “O Globo”, 20/03/1993)

segunda-feira, 12 de julho de 2010

SELINHOS DA SAGA CREPUSCULO!!











MAIS EM:http://capricho.abril.com.br/nainternet/crepusculo/

Homenagem:Álvares de Azevedo

Homenagem:Álvares de Azevedo

Homenagem:Anne Frank

Homenagem:Anne Frank

Homenagem:Cazuza

Twilight

New Moon

Eclipse

Breaking DowN